Ao enviar, você concorda com os termos de uso.

Você pode enviar dúvidas e sugestões para:  http://www.vozdabeleza.com.br/cadastro/?b=vichy

Você pode consultar nossa Política de Privacidade e nossas informações Legais.

OK

OKCancel

Qual é o segredo para acordar com a pele bonita?

Estudos clínicos feitos sobre o ritmo circadiano natural de nosso corpo mostraram qual é a importância do sono profundo em relação à qualidade da pele.

Quer uma pele mais saudável e bonita? Tenha uma boa noite de sono.

Nosso corpo tem um relógio biológico que opera em um ciclo com 24 horas de duração, chamado "ritmo circadiano". Esse ritmo é responsável por comandar uma variedade de mudanças biológicas, incluindo variações das funções celulares normais e níveis hormonais que afetam não apenas nossos órgãos internos, mas também nossa pele. Durante o dia, a pele deve se defender contra todo o tipo de agressor ambiental — seja o vento, o sol, o frio ou até mesmo a poluição. Quando a noite chega, é hora de sua pele se regenerar e começar o processo de reparação para que possa se preparar para o dia seguinte. Um sono irregular ou de baixa qualidade pode desordenar o equilíbrio do ritmo circadiano, e em consequência, afetar a qualidade da pele, o que resulta em traços cansados, pele sem viço e vermelhidão mais proeminente.

A vida noturna de sua pele

Você sabia? O ritual de cuidados com a pele a seguir tem efeito enquanto você dorme, afetando a maneira como você sente e enxerga sua pele de manhã.

1. A regeneração celular se intensifica

Estudos mostram que a divisão celular se intensifica ao longo da noite, chegando a seu ápice entre meia-noite e uma hora da manhã. Esse importante processo de regeneração é crucial para que sua pele tenha uma aparência mais saudável e se torne mais resistente.

2. A microcirculação se acelera

O fluxo sanguíneo da pele se intensifica à noite devido a um pico nas trocas celulares da pele, que podem servir para fornecer nutrientes ou eliminar toxinas. Esse processo serve não apenas para aumentar os níveis de energia celular, ele também leva a uma pele mais homogênea.

3. A mudança celular é mais intensa

A camada mais externa da epiderme é composta de células de pele morta. A cada quatro ou seis semanas, essas células são eliminadas da superfície da pele, em um processo conhecido como descamação. Estudos clínicos demonstram que esse processo de descamação na camada superficial da pele chega ao ápice à noite, trabalhando para tornar a pele mais suave.

4. A barreira protetora da pele se repara

Esse processo de intensa regeneração celular noturna aumenta a permeabilidade da barreira da pele. Ele permite que a pele elimine toxinas, mas também leva a uma diminuição dos níveis de umidade e hidratação da pele. Ao mesmo tempo, os processos de diferenciação celular, microcirculação e descamação se intensificam para ajudar a pele a se preparar e restaurar a barreira protetora, tendo como resultado uma pele mais resistente e hidratada ao longo do dia.
Existe uma razão válida para usarmos o termo "sono da beleza"! Da próxima vez em que você sentir sua pele sem brilho e viço, lembre-se dos efeitos reparadores de uma boa noite de sono. E para aquelas ocasionais noites sem dormir, não se preocupe, pois a ciência já criou soluções cosméticas que simulam os efeitos de uma boa noite de sono em sua pele.

Leia mais

Cuidado facial

Cinco dicas para prevenir a formação de rugas

As rugas se desenvolvem devido a uma combinação de múltiplos fatores. Para que você possa sair na frente e evitar que elas se desenvolvam, aqui estão nossas cinco melhores dicas… Diga adeus às rugas antes mesmo de elas surgirem!

Leia o artigo

go to top